domingo, 2 de setembro de 2012

Parar de beber e de fumar - O que muda?


Este tema é de grande importância para quem está pensando em parar de fumar e/ou beber. Tudo que está escrito a seguir não serve como regra, pois varia muito de cada estilo de vida.

Será que eu paro? Por que parar?

Há algum tempo, pelo menos um ano atrás, eu tinha uma vida noturna deveras movimentada, o típico boêmio. Nas programações dos finais de semana, bar era de lei na sexta ou sábado e o domingo ficava reservado para a ressaca o repouso. Devido a alguns motivos pessoais, resolvi parar com tudo isso e dar uma geral em minha vida. Pensei que parar com os hábitos beber e fumar seriam retirados singularmente do meu dia-a-dia, mas não sabia que literalmente minha vida mudaria. O que mudou?


1.       Financeiro

Costumava gastar a bagatela de R$ 50 ~ R$ 80 em apenas uma noite, contando entrada mais todos os adicionais alcoólicos. Em geral, com cerveja. Lembrando também as idas à botecos onde geralmente vai uma paulada de dinheiro também por conta dos quitutes que acompanham a noite boêmia: batatinha frita, torresminho, frango frito, polenta frita, amendoim, etc. Hoje gasto no máximo R$ 30 se a entrada for cara e eu comer algo lá dentro. Como água/suco/refrigerante você bebe por necessidade fisiológica, não é necessário tomar tantas quanto tomaria de cerveja e similares. Outro gasto que temos quando bebemos são os engov, epocler, epativan, sal de frutas, omeprazol, gatorade e demais amigos da ressaca.

 Ponto importantíssimo: cigarro consome uma montanha de dinheiro. Para você que fuma uma carteira por dia, é algo a começar a se pensar. Levando em conta que a maior parte dos cigarros de qualidade está em média entre R$ 4 e R$ 6, podemos calcular por baixo, um gasto de pelo menos uns R$ 30/semana, isso sem contar que no final de semana é normal que se fume mais (em churrascos e bares então nem se fala).  O cigarro muitas vezes acaba sendo muito mais ofensor financeiro do que a própria bebida, isso levando em consideração que cigarro pode ser fumado a qualquer hora do dia praticamente. A maioria de nós, reles mortais, não podemos nos dar ao luxo de beber uma cervejinha na hora do almoço e depois voltar ao trabalho, mas em compensação fumar depois de comer e nos intervalos é de lei. Mais cigarro, mais dinheiro.


2.       Saúde

Quando eu ia ao bar na sexta-feira e calibrava legal, acordava depois das 15hrs no sábado e passava o dia todo de molho, à base de um “coquetel ressaca” para tentar amenizar as dores de cabeça, de estômago, tonturas, enjôos e tudo mais. Não beber e nem fumar é prezar pela qualidade de vida. A imunidade do seu corpo agradece!


 Problemas com tosse contínua? Pigarro? Parar de fumar pode muito bem resolver estes incômodos. Os catarros no pulmão podem muito bem se esvair parando com o hábito do tabagismo. Aquele lance de escadas da sua faculdade ou prédio não será tão doloroso quanto parece. Parar de fumar melhora seu fôlego de uma maneira impressionante. Lembro-me que na adolescência fui tirado do time de atletismo porque o técnico descobriu que eu fumava e hoje entendo muito bem o porquê d’ele ter feito isso. Minha produtividade estava sendo afetada.

Se você tem gastrite ou problemas estomacais similares, parar de beber/fumar pode em muito te ajudar. Eu vivia com meu estômago podre e fazia parte da minha rotina medicá-lo desde sexta até pelo menos quarta-feira, com engov, epocler, sal de frutas, etc. Faz sentido massacrar o estômago para depois tratá-lo com tanta química? Seu prazer pode sair muito caro para sua saúde. Já tem quase um ano que parei com tudo e tive apenas uma crise de gastrite em todo esse tempo. Antes da mudança minhas crises eram semanais.

Lembrando também o próprio rendimento hormonal cai devido a ingestão de álcool, em homens pode diminuir até 44% na produção de testosterona em apenas 5 copos de cerveja.


3.       Estética

Para você que quer perder uns quilinhos e está tendo dificuldade para concretizar o fato, este é um excelente motivo para parar de beber. A cerveja é um dos maiores ofensores da barriga, não é a toa que existe a expressão “pança de chopp”. O álcool tem 7 calorias por grama (hipercalórico) e aqui podemos fazer uma comparação bem bacana: Um copo de 200ml de cerveja tem o mesmo tanto de calorias que um copo de 200ml de suco laranja que é um hipercalórico. 

Agora responda, é mais fácil alguém tomar 10 copos de suco de laranja ou de cerveja/chopp?

Quem bebe sempre tem rosto inchado, ainda mais quando é universitário. Se o bar fica em frente à faculdade, é muito fácil cair na tentação de beber uma cervejinha todos os dias na hora do intervalo. Basta dar uma passada nos bares para identificar a galera com rosto-balão. Em poucas semanas sem beber este problema é resolvido.

Para você que quer chegar na gatinha da balada, lembre-se que mulher nenhuma gosta de homem que chega em cima com bafo de cachaça e não há halls ou trident que faça milagre. A própria cama fica com cheiro de cachorro molhado quando chegamos chumbados em casa e dormimos sem tomar banho.

Tem algo mais constrangedor que chegar no dia seguinte no trabalho, cumprimentar um pessoal da sua área e alguém lançar aquele comentário maldito “A noite foi boa, hein?” e não, não foi porque ela te viu em algum lugar ou porque leu algum post revelador no facebook. O flagrante está em sua aura exaladora de álcool que está contaminando o ambiente. Até aí tudo bem quando acontece numa segunda-feira, mas e quando acontece numa terça-feira? Se chegar um pouco atrasado fedendo cachorro molhado já é motivo para perder pontos com o chefe e ser tachado de irresponsável, mas aí já é um outro ponto, o lado social.

4.       Social

Este é o item mais importante do levantamento, pois é justamente o resultado dos itens acima.

Tem coisa melhor que ter um final de semana mais proveitoso com mais tempo para descansar e se divertir? Para você que trabalha e estuda este é um excelente argumento. Afinal de contas, trabalhar e estudar são atividades de gente guerreira. Dormir mal e não ter tempo pra nada são problemas que podem ser amenizados quando se resolve radicalizar. Por vezes perdi o final de semana quase inteiro por causa de uma exagerada na sexta-feira. Passava o sábado na base do sono, do epocler e do sal de frutas. Domingo ainda acordava mais ou menos e muitas vezes até segunda-feira era difícil de trabalhar. Mesmo dormindo tarde numa sexta-feira, é possível acordar antes do meio-dia de sábado, mas isso se for um sono saudável, não aquele sono de quando chegamos em casa de madrugada cambaleando, com 30% da visão, torcendo para acertar a cama e dormir de jeans e tênis.

Parar de fumar pode ser a chance de mostrar o poder do seu perfume. Tem uma garota da faculdade que resolveu parar de fumar e logo no primeiro dia de ausência do tabaco, senti seu perfume e comentei:

- Que perfume gostoso!

- Mas eu sempre uso ele, não tinha sentido antes?

Não quis comentar, mas é claro que não, antes eu cumprimentava um cinzeiro ambulante, não aquela bela e cheirosa garota. É uma ótima tática para quem quer ficar mais atraente. Não adianta de nada comprar um perfume caríssimo se você fuma. O beijo de uma mulher que não fuma é infinitamente mais agradável do que de uma que fuma.

            Tem gente que bebe tanto que não lembra nem o que fez na noite passada (eu tinha esse problema – com frequência). Contar segredos íntimos, beijar ou transar com quem não queria (se não lembra direito como rolou, será que sabe se foi com proteção?), tirar a própria roupa e sair por aí, tirar fotos comprometedoras (uma vez na net, eternamente na net) e centenas de outras possibilidades dão histórias bem engraçadas, mas também trágicas. O ser humano infelizmente foi programado para não se esquecer das mancadas dos outros, só das coisas boas.


Estatisticamente pessoas que não bebem são vistas como mais responsáveis, pessoas maduras. Não que de fato seja essa a realidade com todos, mas é assim que a sociedade pensa. Ser o cara que não bebe e não fuma não te deixa menos interessante, muito pelo contrário, te deixa muito mais interessante, afinal de contas tem que ter uma tremenda força de vontade e autocontrole para manter este perfil. Nada como voltar dirigindo para casa de bem com a vida e sem perigo de ser pego numa blitz. As sogras e sogros por aí com certeza preferem o cara certinho, que cuida bem de seus filhos. Esta também pode ser sua chance de ganhar pontos com eles.

Gastar com este tipo de prazer por vezes faz com que tenhamos a impressão que nosso dinheiro está sumindo. É claro que é um investimento em um momento, mas um momento sem bebida/cigarro não significa um momento chato, significa um momento diferente.

Confesso que quando resolvi parar com tudo, por algum tempo fiquei perdido, não sabia muito o que fazer, afinal de contas, minha programação toda envolvia churrascos de faculdade open bar, barzinhos e baladas. Se for parar pra pensar, a bebida alcoólica é quase um dos pilares que sustentam finais de semana baseados nesta programação.

O que fazer?

O lado bom disso, é que seu cérebro aos poucos vai acostumando com a ideia e você mesmo vai inovando sua programação. A economia daquele dinheiro que seria utilizado para os fins já mencionados pode muito bem ser utilizado em uma academia ou hobbie. Para quem é boêmio, deixar de beber é uma mudança de vida. Se você está procurando aquela radicalizada, experimente uma nova vida baseada em saúde.

É normal ficar ocioso um tempo pensando no que poderia fazer, já que às idas a bares e baladas não serão tão freqüentes. É normal que se diminua o ritmo noturno, afinal de contas um dos maiores atrativos já não estará mais presente na programação. Que tal experimentar atividades diferentes? Praticar um esporte, aprender a tocar algum instrumento, pintar, escrever, ler, fazer um curso de culinária, entre outros, as possibilidades são infinitas, só dependem da sua criatividade e o ócio será um grande aliado para instigar essas inovações. Pense que além de ter mais tempo no final de semana, ainda fará com que esse tempo seja mais produtivo.

A solidão pode se tornar comum, tirar um tempo para si é excelente, é uma maneira de se conhecer melhor. Acostume-se também com a mudança de círculos sociais, é uma possível conseqüência. Pessoas se reúnem para fazer algo que todos têm afinidade, mas desenvolver novos interesses e conhecer novas pessoas pode ser surpreendente.

O que foi dito acima não é uma regra, é apenas a minha visão a respeito de como funcionou comigo. Nunca me senti tão bem depois de ter parado com tudo, vivo uma nova vida. Não sou uma nova pessoa, pois minha personalidade continua a mesma, apenas com focos diferentes de antes. Não nasci de novo e nem é minha ideia é transmitir isso a vocês. Conhecimento deve ser compartilhado, do contrário não seria conhecimento, seria egoísmo. Funcionou comigo, mas pode não funcionar com você. Tem gente que acha ruim radicalizar, mas penso que depende do seu propósito e também parâmetro.

Mudar pode ser muito bom, desde que essas mudanças te agradem.

12 comentários:

  1. Caraca Velho, belo texto, eu precisei tomar alguns tropeços pra tomar jeito na vida, nas minhas saídas eram 100, 150 pilas por balada. Depois que enfiei o carro do vélho num poste e gastei 6 mil que fui me dar conta que essa Bebedeira não leva a nada! Idéia apoiadissima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Anderson! É bem isso mesmo, só resolvi mudar depois de dar muito problema para muita gente :) É assim que funciona com o ser humano, né? Na base do trauma!

      Excluir
  2. Texto muito legal, cara. Fico muito feliz de ver que essa foi uma decisão que você tomou e deu certo pra você. Eu não penso em fazer isso (a parte de beber. Fumar é algo que já sei que um dia pararei), mas não deixo isso afetar minha vida nem a de outrem. Acho que beber sábado de noite (é só quando posso, mesmo) é ótimo e eu adoro. Não estou te atacando pois sei que você respeita minha preferência, só enfatizando aqui como cada pessoa é diferente. E o conjunto dessas diferenças e afinidades que realmente constroem amizades, como a que temos.

    E senti uma influência meio Nietzsche com essas ênfases distribuídas pelo texto, achei massa =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com toda certeza, meu irmão. É algo a ser levado como uma dica, cabe ao leitor absorver apenas o que servirá para si. O importante sempre é encontrar seu próprio ponto de equilíbrio :)

      Obrigado pelo comentário, man! Hahahaha que legal ficou saliente isso, não é intencional, mas acaba fazendo parte quando se gosta muito!

      Grande abraço!

      Excluir
  3. Faz dez anos que @Eu_Digo_Não_ao_Cigarro ... Diga você também NÃO AO CIGARRO... Vamos juntos bani do planeta o maior CAUSADOR DE CÂNCER DO PLANETA " CIGARROS "

    COMPARTILHE ESTA LUTA...

    http://www.planetadoslivros.com.br/news/tratamento-pare-de-fumar/

    facebook

    @Eu_Digo_Não_ao_Cigarro

    ResponderExcluir
  4. Parar de Beber não é fácil, mas é possível, faz 2 meses 16 dias que não bebo, então hoje de manhã eu disse: hoje eu não vou beber,... confesso que estou muito feliz, ficar sóbrio é lindo.

    ResponderExcluir
  5. Cara , vc resumiu minha vida no seu texto , tirando a parte do cigarro, pois nunca fumei . Parabéns , eu demorei ter essa visão , esse é o primeiro passo , mas manter o foco é o passo mais complicado , mas tenho fé em Deus que vou conseguir, primeiro porque quero e segundo porque tenho uma namorada maravilhosa que está disposta a caminhar comigo!!!

    ResponderExcluir
  6. belo texto, estou passando por um momento muito parecido...

    ResponderExcluir